sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Ser diferente

Obstáculo abstrato
diferentemente vencido 
conquistado.

A diferença entre as pessoas é imensa, porém nós identificamo-nos com algumas “coisas”. Bem, para que hoje eu venha até aqui falar sobre diferenças, algo interessante ocorreu ontem ou hoje em minha vida. Mas é “diferente”, não aconteceu nada de interessante que me levou a tratar deste assunto. Sabe as lembranças também tem suas diferenças, tem as lembranças em forma de sonhos, tem as lembranças da infância, tem as lembranças do futuro (não vai me dizer que nenhuma vez você não imaginou ou sonhou como estaria daqui dez anos em forma de lembranças?), enfim, estamos sempre sujeitos à diferenças, desde o nosso físico ao mental. A diferença existe para não existir igual. Seria horrível ter um outro de você, e irmãos gêmeos não são parecidos, porque entre os dois haverá alguma diferença, pode acreditar. Então, não julgue o outro por ser diferente de você e você tentar mudar a pessoa para ela parecer mais com você. Não, não, faça ao contrário, seja aquilo que faz a diferença. Ser diferente é magnífico, e abrange oportunidades de mundo de conhecimento e com objetivo, pois eu tenho um objetivo de conhecer você, de conhecer um ser diferente. Tenham um bom final de semana, sejam felizes e recebe com os abraços abertos a diferença que existe entre você e o próximo. Por Rafael Lopes, aquele que acredita em sua diferença. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário